24/12/2016

  • // Por: Suzana Barelli

Compartilhe:

Imprimir:

Dicas rápidas para o vinho do Natal

Veja como harmonizar seu vinho na ceia de Natal 


Para quem deixou para definir os vinhos do natal de última hora, vale a pena seguir as cinco dicas a seguir:

1 – Comece a festa com espumantes. E não tenha vergonha de escolher um rótulo brasileiro, cuja qualidade vem crescendo safra após safra. Só preste atenção no estilo: os brindes para acompanhar os aperitivos devem ser feitos com espumantes tipo brut ou nature. Demi-sec só na sobremesa;

2 - Peru, chester e pernil são os pratos natalinos da tradição brasileira. Se gostar de brancos, dê preferência aqueles que têm no contra-rótulo a indicação de que passaram por barricas de carvalho. O chardonnay é a pedida clássica, mas há outras opções. Brancos espanhois e portugueses podem combinar com essas receitas – só fuja, aqui, das variedades mais aromáticas. Esses vinhos também vão muito bem com o bacalhau, que é outra boa receita para a data;

3 – Se a opção for por um tinto para acompanhar o prato principal, procure vinhos mais leves. Aqui, a pinot noir é a variedade mais lembrada. A merlot também tende a casar com essas receitas.

4 – nas sobremesas, os panetones com frutas cristalizadas combinam, como poucos, com os espumantes tipo asti. Mas se o recheio for de chocolate, é melhor harmonizar com um vinho do Porto. Os doces com frutas secas, por sua vez, vão bem com os vinhos brancos de sobremesa e até com um espumante demi-sec.

5 – Não se esqueça que o Natal acontece em pleno verão. Assim, preste muita atenção na temperatura de cada garrafa (na dúvida, sirva mais gelada, que a temperatura sobe na taça).

Feliz Natal!!!


Avalie esta notícia:  starstarstarstarstar

Compartilhe:

Imprimir:

Deixe um comentário

(O comentário não pode exceder 500 caracteres)

ctv-rea-suzana barelli 240x140
Suzana Barelli, editora de vinhos da Revista Menu, é uma jornalista especializada em vinhos.